Dor de Crescimento

15 Abr. 2020 / Saúde

Fonte: Tua Saúde

A doença de Osgood-Schlatter, também chamada de Dor de Crescimento, é caracterizada por uma dor que surge na perna, próximo do joelho, na criança por volta dos 3 a 10 anos. Essa dor acontece mais frequentemente logo abaixo do joelho mas pode se estender até o tornozelo, especialmente à noite e durante as atividades físicas.

 

Acredita-se que a dor do crescimento seja uma consequência do crescimento ósseo mais rápido que o crescimento muscular, o que causa micro-traumatismos no tendão do quadríceps, que ocorrem quando a criança passa por um período de 'estirão', em que cresce muito rápido. Esta não é propriamente uma doença, e não precisa de tratamento específico, mas provoca desconforto, sendo necessária uma avaliação do pediatra.

 

O mais comum é o surgimento de dor apenas na perna e próximo do joelho, mas algumas crianças podem apresentar esta mesma dor nos braços, e apresentar ainda dor de cabeça, ao mesmo tempo.

 

 

Sintomas

 

A dor do crescimento causa dor e desconforto, principalmente ao final do dia, depois da criança ter feito atividade física, pulado ou saltado. As características são:

 

- Dor na parte da frente da perna, perto do joelho (mais comum);

- Dor nos braços, próximo do cotovelo (menos comum);

- Pode haver dor de cabeça.

 

A dor nestes locais normalmente permanecem por 1 semana, e depois desaparece completamente por alguns meses, até que depois volta a surgir. Esse ciclo pode se repetir durante a infância e adolescência.

 

Normalmente o médico chega ao seu diagnóstico somente ao observar as características da criança e ouvir suas queixas, e muito raramente é necessário realizar exames, todavia o médico pode pedir um raio-x ou exame de sangue para excluir as chances de outras doenças ou de fraturas, por exemplo.

 

 

Como combater a dor no joelho e na perna

 

Como forma de tratamento os pais podem massagear o local dolorido com um pouco de creme hidratante, e a seguir pode-se colocar uma compressa de gelo enrolada numa fralda ou tecido fino, por 20 minutos, para diminuir a dor. Em dias de crise, recomenda-se também o repouso, evitando as atividade física extenuantes.

 

 

Sinais de alerta

 

Deve-se ir ao médico se a criança apresentar outros sintomas como:

- Febre;

- Intensa dor de cabeça;

- Perda do apetite;

- Se tiver manchas na pele;

- Dores em outras partes do corpo;

- Vômito ou diarreia.

 

Estes são sinais de outras doenças, que não tem relação com a dor do crescimento, e a criança precisa ser avaliada pelo pediatra.

Recomendados Para Você:

 

© Copyright 2019 - Lolly Baby - Todos os Direitos Reservados