Arroto após amamentação

15 Abr. 2020 / Maternidade / Saúde

Fonte: Pediatra na Web

Os bebês arrotam pois durante a mamada engolem ar e este se acumula no estômago e nos intestinos.
 
A quantidade de ar pode variar de bebê para bebê e também muda de acordo com a via que se mama, podendo causar mais cólicas em alguns do que em outros.
 
 
Mamadeira X Peito
 
Os bebês que tomam leite artificial pela mamadeira engolem mais ar e, consequentemente, apresentam mais cólicas do que os amamentados ao seio. Isto acontece pois o fluxo de leite da mamadeira é continuo e independe da sucção do bebê, que não consegue controlar sua intensidade e, no ímpeto de engolir o leite que vem em grande fluxo, acaba engolindo maior quantidade de ar.
 
Já o fluxo vindo da mama depende totalmente da sucção do bebê, por isso o mesmo acaba por engolir menos ar.
 
 
Mas e então, é obrigatório ao bebê arrotar?
 
Como visto acima, nem sempre o bebê vai engolir ar! Desta forma, nem sempre o bebê irá arrotar.
 
 Algumas mães ficam bastante preocupadas quando seus pequenos não arrotam e permanecem longos períodos com eles elevados aguardando que isto ocorra.
 
Como é muito difícil mensurar a quantidade de ar engolida pelo bebê durante a mamada(seja aquele amamentado ao seio, seja aquele amamentado com mamadeira) é importante sempre dar a ele a chance de arrotar. Então é recomendado deixá-lo elevado 20 minutos após cada mamada para facilitar a liberação do arroto e também para ajudar o esvaziamento gástrico.
 
Caso não ocorra, não se preocupe, pode deixar o bebê dormir normalmente.

Recomendados Para Você:

 

© Copyright 2019 - Lolly Baby - Todos os Direitos Reservados